Tecnicos

A indireta de Renato Portaluppi ao falar pela primeira vez sobre demissão do Flamengo

Renato Portaluppi quebra o silêncio após demissão do Flamengo e aponta fim da linha com frustração

Renato Portaluppi fala pela primeira vez após saída do Flamengo
Renato Portaluppi fala pela primeira vez após saída do Flamengo

No dia 29 de novembro de 2021 foi encerrado o ciclo de Renato Portaluppi no Flamengo, dois dias depois da perda da final da Copa Libertadores da América 2021 para o Palmeiras. Nesta quinta-feira (2), Renato Gaúcho se pronunciou pela primeira vez após a saída do clube em que trabalhou por mais de quatro meses e admitiu sua ilusão ao comandar o Mengão.

Desejo de Renato era não sair do Flamengo

Renato Portaluppi quebra o silêncio após saída do Flamengo. Foto: Instagram

Em postagem em suas redes sociais, Renato Portaluppi fez uma carta de despedida em que agradece por ter trabalhado no Flamengo, um de seus grandes sonhos na vida, agradeceu todos os jogadores, comissão técnica e diretoria, mas em um dos pontos de sua declaração, a frustração pela saída foi maior e não pode ser escondida.

Renato Gaúcho admitiu o fracasso dentro de campo com a queda na semifinal da Copa do Brasil, a perda da Copa Libertadores, e o possível vice-campeonato do Campeonato Brasileiro não pela qualidade do time, mas sim pela exigência que o maior campeão das Américas nas últimas três temporadas tinha sobre seus ombros.

A passagem de Renato Portaluppi pelo Flamengo

Renato Portaluppi chegou ao Flamengo em julho deste ano e após quase cinco meses somou 38 jogos com 25 vitórias, oito empates e cinco derrotas, 87 gols marcados e 32 gols sofridos, no aproveitamento de 72,8%, segundo o site “Transfermarkt”.

Romario Paz

Lic. em comunicação social, graduado pela Universidade Central do EquadorJornalista esportivo com experiência em Rádio Televisão e mídia digital. Boa pessoa para caramba!+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias