Tecnicos

A estranha fala de Rogério Ceni que causou fúria na torcida do São Paulo após vexame no Morumbi

Ceni não analisou derrota porque acredita que jogo acabou para o São Paulo pouco depois de iniciar

Técnico apontou que o são Paulo é um time calado em campo
Técnico apontou que o são Paulo é um time calado em campo

Entenda a colocação de Rogério Ceni sobre  apartida do São Paulo que volta a se aproximar perigosamente da zona de rebaixamento do Brasileirão

O São Paulo saiu de campo devastado após a derrota humilhante por 4x0 para o Flamengo em pleno Morumbi na tarde de ontem (14), no estádio do Morumbi, para mais de 47 mil pessoas que foram prestigiar o clássico nacional. Após a partida, o técnico Rogério Ceni revelou que a partida já havia acabado para o Tricolor muito antes do apito final do árbitro Leandro Pedro Vuaden. Ceni revelou que a partida era apenas para contenção de danos após os primeiros minutos.

“É difícil convencer que foi feito o melhor porque o jogo acabou com 24 segundos. Na primeira posse, cedemos o gol ao Flamengo. Contra-ataque, cedemos o segundo. Depois veio a expulsão do Calleri. Com oito minutos o jogo já havia acabado. Não dá para analisar o jogo”, comentou Rogério Ceni durante a entrevista coletiva após o jogo.

O treinador do São Paulo também falou sobre a postura dos jogadores dentro e fora de campo ao longo da partida e sinalizou que é necessário uma mudança urgente. “É um time mais calado. Jovens calados. Mais velhos que não têm como característica serem jogadores eloquentes. Time quieto. Estamos tentando desenvolver isso nos jogadores, que falem durante a partida. Quanto mais cantado o jogo for, menos energia você gasta, e mais bem posicionado está. É um time calado”, apontou Ceni.

Situação periclitante no campeonato

A derrota preocupa bastante o São Paulo que voltou a se aproximar perigosamente da zona de rebaixamento há dois pontos do primeiro clube dentro da zona da degola, o Juventude, são 38 contra 36. Há uma expectativa de uma reunião nesta segunda-feira (15) entre Ceni, Júlio Casares, o presidente do clube, e os jogadores para buscar uma solução para essa a tirar o clube dessa situação periclitante no campeonato.

O próximo compromisso do Tricolor não será nada fácil, já que o São Paulo visita o Palmeiras no Allianz Parque, na próxima quarta-feira (17), às 20h30. O jogo será o último clássico do Tricolor no ano que busca melhorar seu desempenho nos confrontos contra os rivais, já que em 5 jogos foram uma derrota, três empates e uma vitória.

Mais notícias do futebol brasileiro:

Após ser humilhado pelo Flamengo, Luciano está furioso com o São Paulo e diz o que achou das vaias da torcida

O pedido de Renato Gaúcho a para Bruno Henrique que desestabilizou o São Paulo

Wesley Alencar

Jornalista desde 2017, formado pela Universidade São Judas Tadeu, e atuante como redator desde 2015. Passagens pelas rádios Max FM Cotia e Meteleco.net, além de outros portais de esportes e entretenimento. Cubro as principais informações de Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Corinthians.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias