Seleçao > Copas Internacionais

Tite não quer mais Daniel Alves na seleção após outro lateral conquistá-lo

Lateral direito pode voltar para a seleção de Tite em sua posição de origem

Daniel Alves defende o São Paulo, seu time de coração
Daniel Alves defende o São Paulo, seu time de coração

A Seleção Brasileira vive um momento diferente dos últimos anos na questão de regularidade de jogos. Com apenas quatro jogos em 2020, e sem jogar em 2021 após o adiamento de duas rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022 no Catar, O Brasil de Tite deve voltar aos gramados em junho para a qualificação, e também para a Copa América 2021.

Herói da última edição e melhor jogador da Copa América 2019 no Brasil e vencida pela Seleção Canarinho, Daniel Alves teria disputado sua última competição pela seleção, e logo após o título o jogador assinou com o São Paulo, seu clube de coração, que o fez abandonar de vez a lateral direita que o consagrou para virar meio-campo.

Daniel Alves foi o melhor jogador da Copa América 2019. Foto: RD Serviços de Comunicação

A mudança brusca do atleta de 37 anos, que completa mais um ano de vida na próxima quinta-feira (6), parece ter incomodado Tite que não quer mais Daniel Alves na seleção se não for na lateral direita. No lugar dele, Danilo virou titular da Seleção Brasileira e a segunda vaga ganha concorrentes como Emerson Royal, Dodô e Guga.

Agenda da Seleção Brasileira

Eliminatórias para a Copa do Mundo 2022

03/06 – A definir – Equador

08/06 – A definir – Paraguai

Copa América 2021

14/06 – 20h – Venezuela, no Estádio Atanasio Girardot

18/06 – 23h – Peru, no Estádio Pascual Guerrero

24/06 – 22h – Colômbia, no Metropolitano de Barranquilla

28/06 – 22h – Equador, no Estádio El Campín

Todos os horários de Brasília

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias