Seleçao

Os 7 maiores artilheiros brasileiros na história da Copa do Mundo

O Brasil chegará ao Catar 2022 como um dos principais candidatos ao título. Pelo presente e pela história, na qual tiveram grandes artilheiros.

Naymar não esta na lista
Naymar não esta na lista

Sem dúvidas, o Brasil chegará à Copa do Mundo do Catar 2022 como um dos principais candidatos ao título. É que os comandados estrategicamente por Tité culminaram as Eliminatórias Sul-Americanas no topo da classificação, subjugando e superando praticamente todos os seus adversários.

Mais notícias da Seleção Brasileira:

Copa do Mundo 2022; porque vai ser disputada em novembro e em que dia se inicia?

Além disso, o Brasil tem figuras renomadas como Neymar, Vinicius Junior, Marquinhos, Casemiro, Alisson Becker e muitos outros em seu elenco. Sim, uma verdadeira constelação de estrelas que pode claramente fazer a diferença contra qualquer adversário e em qualquer contexto. Por isso há muito otimismo em Verdeamarelha.

Mas, ao mesmo tempo e como se tudo isso não bastasse, o Brasil tem uma história impressionante dentro da Copa do Mundo. De fato, a supracitada seleção sul-americana é a que tem mais títulos em Copas do Mundo, com nada mais e nada menos que cinco comemorações: Suécia 1958, Chile 1962, México 1970, Estados Unidos 1994 e Coréia-Japão 2002.

Sob essa órbita, paralelamente, o Brasil teve grandes artilheiros que não tiveram piedade na hora de se encontrar diante do gol rival. É por isso que analisamos os sete maiores artilheiros do referido time em toda a história da Copa do Mundo, começando com estrelas da estatura de Ronaldo e Pelé.
 

Os sete maiores artilheiros brasileiros na história da Copa do Mundo
 
1-Ronaldo (15)

Para muitos, Ronaldo foi o melhor centroavante de todos os tempos. Na verdade, ele foi o artilheiro da história da Copa do Mundo até que, em 2014, foi superado por um gol de Miroslav Klose. O brasileiro acumulou 15 comemorações na Copa do Mundo: quatro na França 1998, oito na Coréia-Japão 2002 e três na Alemanha 2006. Bestial.

 2- Pelé (12)

Em segundo lugar aparece um dos melhores jogadores da história como Pelé, alguém que disputou quatro edições da Copa do Mundo e venceu três. O maior ídolo do Santos atingiu a soma de 12 gols na disputa mais importante de todas: seis na Suécia 1958, um no Chile 1962, um na Inglaterra 1966 e quatro no México 1970.

 3- Jairzinho (9)

O lendário e lembrado Jairzinho é um dos dois jogadores brasileiros que chegaram a nove gols em toda a história da Copa do Mundo. No caso do atacante, que disputou três Copas do Mundo, foram nada mais e nada menos que sete gols no México 1970, onde surpreendeu cariocas e desconhecidos, e outros dois na Alemanha 1974.

 4- Vavá (9)

Ao mesmo tempo, o outro futebolista brasileiro que chegou a nove comemorações na história da Copa do Mundo é Vavá. A particularidade desse temível atacante é que ele só fez parte de duas edições do mundial: despachando com cinco gols na Suécia 1958 e outras quatro conquistas no Chile 1962.

 5- Admir (8)

Mais para trás no tempo está a figura de Ademir, alguém que mal jogou em uma edição da Copa do Mundo e que ficou às portas da glória ao cair no mítico 'Maracanazo' diagramado pelo Uruguai. De qualquer forma, esse fabuloso atacante encerrou uma participação dos sonhos no Brasil 1950, com nada menos que oito gols.

 6- Leônidas (8)

Com oito gols na história das Copas do Mundo, aparece também o implacável Leônidas, atacante que brilhou na década de 1930, sendo uma das primeiras figuras do Brasil na Copa do Mundo. O carioca fez uma apresentação modesta na Itália 1934, com apenas um gol, mas depois marcou na França 1938, com oito gols.

 7- Rivaldo (8)

Curiosamente, uma figura do calibre de Rivaldo só marcou presença em duas edições do Mundial, vencendo uma delas. O meia-atacante que também brilhou em um gigante europeu como o Barcelona também marcou oito gols: três na França 1998, onde foi vice-campeão, e cinco na Coréia-Japão 2002, onde levantou a taça.

Mais notícias da Seleção Brasileira:

O que precisa acontecer para Cristiano Ronaldo jogar contra o Brasil na Copa de 2022

Romario Paz

Lic. em comunicação social, graduado pela Universidade Central do EquadorJornalista esportivo com experiência em Rádio Televisão e mídia digital. Boa pessoa para caramba!+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias