Copas Internacionais > Libertadores 2021

O temor de Abel Ferreira: técnico encontrou em Montevidéu situação pior que em SP

Aparantemente, Abel Ferreira encontrou um vizinho pior emm Montevidéu do que o que tinha em São Paulo

Abel Ferreira reclamoou de vizinho chato na semifinal da Libertadores
Abel Ferreira reclamoou de vizinho chato na semifinal da Libertadores

Técnico desabafou sobre uma situação qu o incomodava após classificar o Palmeiras na semifinal da Libertadores, mas dias antes da final parece que encontrou um pior

Quando conseguiu a classificação para a final da Copa Libertadores sobre o Atlético-MG, em pleno Mineirão, após o empate por 1x1, o técnico do Palmeiras, Abel Ferreira falou de um vizinho chato que tinha, usando como metáfora a personagem para rebater as críticas que vinha sofrendo pelo baixo rendimento que o clube vinha apresentado naquele período. Porém, a situação não foi esquecida e em Montevidéu surgiu um vizinho pior ainda. 

Foto: Getty images - Abel Ferreira achou um novo vizinho chato em Montevidéu

Isso porque um torcedor do Flamengo está hospedado no mesmo hotel em que a delegação palestrina está concentrada na capital uruguaia e, em contato com a reportagem do canal a cabo ESPN Brasil, o torcedor comentou que já teve oportunidade de esbarrar com o comandante do Palmeiras.

“Eu estou no mesmo do Palmeiras. Já encontrei o técnico Abel Ferreira e falei o seguinte: ‘Abel, os teus vizinhos de São Paulo eram ruins, mas eu serei pior ainda do que eles”, falou o torcedor do Flamengo aos risos.

Foto: Reprodução Youtube - Torcida flamenguista é maioria em Montevidéu e um deles é hospede no memso hotel que o Palmeiras

O tal vizinho chato

Na oportunidade em que citou o seu vizinho chato, Abel Ferreira foi questionado pelo motivo que teve uma reação efusiva com a classificação para a decisão, na qual proferiu palavras de baixo calão em direção da câmera da transmissão e precisou até ser contido pelos seus auxiliares, e continuou a festejar com seus jogadores no gramado.

“Não foi para nenhum jogador do Atlético-MG, ou seu treinador. Tenho um vizinho que mora no meu prédio que é um chato. Foi diretamente ao meu vizinho, porque quem manda na minha casa sou eu. Está calado, Quem trabalha dentro do CT sou eu e meus jogadores. Defendo meus jogadores porque são meus nas vitórias e derrotas. Ao meu vizinho: shiu!”, havia dito Abel Ferreira.

Foto: Cesar Greco - Abel Ferreira busca seu segunto título da Libertadores em menos de um ano

Com vizinho chato ou não, o Palmeiras agora se prepara para finalizar a preparação para a decisão da Libertadores. Abel Ferreira, inclusive, tem entrevista coletiva programada para essa tarde. O técnico busca sua segunda taça da Libertadores, para manter o título no Allianz Parque pelo segundo ano seguido.

Wesley Alencar

Jornalista desde 2017, formado pela Universidade São Judas Tadeu, e atuante como redator desde 2015. Passagens pelas rádios Max FM Cotia e Meteleco.net, além de outros portais de esportes e entretenimento. Cubro as principais informações de Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Corinthians.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias