Seleçao > Copas Internacionais

Polêmica: Senador do Brasil pede que Neymar não jogue a Copa América

Renan Calheiros acredita que é um erro total que o torneio aconteça enquanto o país está prestes a experimentar uma nova onda de coronavírus. “O campeonato que devemos disputar é o de vacinação”, disse.

Neymar com a Seleção Brasileira
Neymar com a Seleção Brasileira

A Copa América 2021 no Brasil parece um fato, embora mais de um chefe de governo do país verde e amarelo discorde. É o caso do senador Renan Calheiros, que chegou a pedir a Neymar e aos jogadores da Seleção Brasileira que não participassem da competição.

O instrutor de uma comissão parlamentar que investiga o manejo durante a pandemia, explicou que eles estão em um estágio grave da doença e que não faz sentido o torneio se desenvolver.

Calheiros considerou a decisão "incrível". “Num momento em que a pandemia está a piorar e a encher os nossos cemitérios e hospitais como nunca antes”, declarou na abertura de uma sessão da comissão, que procura esclarecer se o Governo é o responsável pela crise sanitária.

Neymar faz parte da convocação de Tite para enfrentar a Copa América 2021. (Foto: EFE)

O senador explicou que a Copa América "se tornará um campeonato da morte" se for realizada em um dos países mais afetados pelo coronavírus. O Brasil ultrapassa 462 mil mortes e, segundo especialistas, enfrentará uma nova onda nas próximas semanas.

“O campeonato que devemos disputar é o de vacinação. Esses são os gols que devemos fazer, Neymar. Não permita que ele entre em campo enquanto seus amigos, parentes, conhecidos, continuam morrendo em nosso país ”, concluiu.

A Copa América 2021 deve começar no dia 13 de junho. Tudo parecia pronto para acontecer na Colômbia e na Argentina; No entanto, a Conmebol decidiu mudar sua sede para o Brasil por não existirem medidas de segurança suficientes para que isso aconteça nesses países.

Neymar não poderia jogar pelo Brasil?

Bolosaro aprovou a Copa

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, manifestou seu apoio ao país para organizar a Copa América 2021. "Tem a Copa Libertadores, tem a Copa Sul-Americana, agora vêm (jogos) das eliminatórias", explicou o chefe de governo.

"Ninguém fala sobre isso, mas se for a Copa América vai causar multidões e não vai ser disputada", disse ironicamente, explicando que seu governo está disposto a aceitar a competição continental.

Romario Paz

Lic. em comunicação social, graduado pela Universidade Central do EquadorJornalista esportivo com experiência em Rádio Televisão e mídia digital. Boa pessoa para caramba!+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias