Seleçao > Neymar

Neymar fala com Enner Valencia sobre boicote à Copa América no Brasil

A estrela conversou com o capitão do Equador, segundo o 'Marca'. Vários times já concordaram em não jogar

Neymar está no olho da tempestade
Neymar está no olho da tempestade

Sob o título ‘Os capitães da Copa América ante um boicote que seria histórico: quem é quem?’, O Marca analisa a posição de cada equipe em relação à disputa que a Conmebol pretende realizar a qualquer momento. O jornal garante que Neymar, o jogador de futebol mais representativo do Brasil, já fez contato com jogadores do Equador.

Sobre o Tricolor,  “Embora seja verdade que grandes declarações não tenham transpirado publicamente, a verdade é que as palavras de (Robert) Arboleda (que revelou que membros do Auriverde já se comunicaram com Enner Valencia, capitão da Seleção ) apenas confirme se os contatos internos já ocorreram. Aliás, já existem vários meios de comunicação que noticiam que Neymar fez contactos com Enner Valencia e Ayrton Preciado para apoiar a sua posição. Um apoio que, pelo menos por enquanto, não expressaram publicamente ”.

Em relação à posição das outras seleções, a Colômbia é contra a Copa América. “Fizeram isso por meio de nota enviada por meio da Associação Colombiana de Jogadores Profissionais de Futebol. Nele mostram a sua ‘preocupação’ com o torneio devido à situação de saúde ”.

Neymar com a Seleção Brasileira

Ele acrescenta que Juan Guillermo Cuadrado, jogador de futebol da Juventus, "não demorou muito para compartilhar a declaração em suas redes sociais, mostrando seu desacordo total com uma decisão que ninguém entende e poucos compartilham".

Dos diálogos de Neymar e Casemiro com colegas de outros países, menciona-se que “com quem esses contatos deram frutos é com a equipe uruguaia. Luis Suárez, Edinson Cavani e Fernando Muslera mostraram publicamente sua oposição a disputar o torneio no Brasil devido à situação epidemiológica do país. "A saúde deve ser priorizada", disse o atacante do Atlético de Madrid. O goleiro afirmou enfaticamente: "Não concordo em jogar a Copa América".

A AFA e sua posição

Aponta que Leo Messi está na mesma linha que os brasileiros e prefere não jogar o torneio". No entanto, a AFA esclareceu este domingo, em comunicado oficial, que "a seleção argentina confirma sua participação na Copa América, que se reflete em sua esportividade ao longo da história" e que "neste momento difícil" a seleção "Ele vai viajar ao Brasil para contestar o concurso. " Anteriormente, DT Lionel Scaloni descreveu a situação no Brasil como "alarmante e preocupante".

De acordo com a análise “é normal que as restantes equipas caiam do seu lado ao longo das horas. O Chile, com Claudio Bravo no comando, pode ser o próximo adversário. O goleiro dividiu camarim com Neymar, Suárez e Messi no Barcelona, o que tornou a relação entre eles magnífica ”.

A Bolívia quer jogar a Copa. Segundo Marcelo Martins Moreno e o goleiro Carlos Lampe, "a Conmebol manda e a gente obedece, é assim". (D)

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias