Copas Internacionais

Maior goleada do Corinthians na história da Libertadores - massacre de 1999

Goleada em cima do Cerro Porteño

Fernando Baiano foi a estrela da partida
Fernando Baiano foi a estrela da partida

Na passada terça-feira (12), o Palmeiras disputou a 2ª rodada da Copa Libertadores 2022, frente ao Independiente Petrolero, no Allianz Parque. Os comandados de Abel Ferreira atropelaram o adversário sem dó nem piedade, com uma vitória por 8-1, se tornando a maior goleada do time na história da competição. Mas sabe qual o maior resultado do rival paulista no maior torneio sul-americano de clubes?

Mais notícias sobre Copa Libertadores:

Copa Libertadores 2022; resultados da 2ª rondada da competição

Em 10 de março de 1999, o Corinthians entrou nos gramados do Estádio Pacaembu, frente ao Cerro Porteño, pela segunda rodada do grupo 3 da competição. Num jogo de sonho para Fernando Baiano, o Timão acabou vencendo por 8-2, com o centroavante a fazer 5 gols, 4 deles ainda no primeiro tempo.

Edílson Índio marcaram também, com o resultado a ficar nos 6-1 antes do intervalo. No segundo tempo, mesmo com menor intensidade por parte do Corinthians, o time ainda anotou mais 2 gols, com Fernando Baiano a completar sua manita e Sylvinho a fazer o 8º do Timão.

Escalações dos times 

Corinthians: Nei, Índio, Cris, Gamarra, Silvinho, Vampeta, Freddy Rincón, Ricardinho, Edílson, Fernando Baiano, Dinei;

Cerro Porteño: Aceval, Villalba, Darío Caballero, Juan Lopez, Toledo, Gómez, Recalde, Gavilán, Alvarenga, Gauchinho, Mauro Caballero.

Mais notícias sobre Copa Libertadores:

Corinthians x Deportivo Cali: veja onde assistir, desfalques, escalações e arbitragem

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias