Série A

Principal contratação do São Paulo para 2022 vira dor de cabeça; saiba mais

Meia foi contratado para suprir a saída de Dani Alves

Nikão
Nikão

O meia do São Paulo já está a mais de um mês em tratamento por uma lesão no tornozelo, o Departamento Médico do São Paulo tenta seguir com o tratamento conservador, descartando uma intervenção cirúrgica. Segundo o Globo esporte, algumas pessoas próximas do jogador foram ouvidas e confirmaram que a lesão sentida em 23 de abril foi agravada quando o jogador retornou da primeira contusão em 15 de maio.

Mais notícias do Futebol brasileiro:

O que conversaram Fabián Bustos e Vitor Pereira no massacre do Corinthians sobre o Santos

Após 19 de maio, última partida da equipe na Copa Sul-americana, Nikão jogou por 60 minutos, e atuou sentindo dores no tornozelo esquerdo. No dia seguinte, relatou aos médicos do CT da Barra Funda que as dores continuaram, após sessões de fisioterapia e três dias de tratamento, as dores e o inchaço não diminuiu.

O São Paulo decidiu levá-lo a um especialista que constatou uma sinovite, problema crônico que pode causar um derrame na área afetada, a causa da inibição de alguns movimentos do tornozelo. Nikão passou a tomar medicamentos específicos para o trauma em combinação com tratamentos especializados para o tornozelo.

Agora, foi identificado um cisto na parte de trás do tornozelo encontrado após um ultrassom, Segundo a DM do clube as lesões não tem relação uma com a outra. O cisto foi retirado em um procedimento simples com uma agulha e a retirada do líquido do local. O atleta já voltou a correr no gramado, mas sem perspectiva para retornar.

Histórico de lesão foi fator crucial para contratação

Após definir a contratação de um jogador importante para a temporada de 2022, a diretoria do São Paulo desenhou que a preferência seria por um atleta sem histórico de lesão. Nikão, do Athletico Paranaense foi visto como a solução barata e dentro desse padrão. Nos sete anos de Furacão, Nikão não sofreu com lesões, apenas algumas de rápida recuperação. Em 2021, foram 51 partidas disputadas com 11 gols marcados, em 2022, o atleta jogou apenas 22 vezes no SPFC com apenas 1 gol marcado.

Mais notícias do Futebol brasileiro:

Ex-estrela do Internacional pode preferir ir para São Paulo ao invés de Porto Alegre; saiba quem

Jorge Dias

Jornalista formado pela Universidade P. Mackenzie em 2013, mas atuo desde 2008 com textos esportivos. Já trabalhei no Diário Lance! como diagramador e jornalista, de 2010 a 2016. Escrevi para Surto Olímpico, Bola Parada, Torcedores.com e Punteiro Izquierdo.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias