Série A > Flamengo

A “barca” do Flamengo que renderá milhões aos cofres do clube

Flamengo economizará milhões em salários com saídas, além de embolsar uma boa quantia com vendas

A saída de Kenedy foi a que rendeu maior economia aos cofres rubro-negros
A saída de Kenedy foi a que rendeu maior economia aos cofres rubro-negros

Apesar de “tímido” no mercado de transferências, o Flamengo começa o ano de 2022 fazendo caixa com jogadores em baixa que estão deixando o clube. A “barca” conta com atletas fora dos planos do técnico Paulo Sousa. O próximo jogador à sair é o goleiro Gabriel Batista e seu staff busca um clube europeu para o atleta.

Ao todo, até o momento, nove atletas deixaram a Gávea, sendo estes o goleiro César, o zagueiro Bruno Viana, os meio-campistas Hugo Moura, João Lucas e Piris da Motta e os atacantes Vitor Gabriel, Max, Bill e Kenedy. Em questão de folha salarial, o Flamengo economizará 30 milhões de reais com as saídas.

Mais notícias do futebol brasileiro:

O 'Turco' comandará o Gallo, Antonio Mohamed é o novo técnico do Atlético Mineiro

Além da economia com os vencimentos, algumas destas partidas renderão um total de 15 milhões de reais aos cofres rubro-negros: 1 milhão por João Lucas, 5,5 milhões por Piris da Motta, 5,5 milhões por Max e 2,5 milhões por Bill. O levantamento foi feito pelo site “Globoesporte”.

Mais notícias do futebol brasileiro:

Não tem no Brasil! O perfil especial de jogador que Paulo Sousa quer para o Flamengo

E quem chega?

Com as saídas, o Flamengo vem fazendo uma quantia considerável de cifras para iniciar suas movimentações no mercado da bola. A ideia é atender os pedidos do técnico Paulo Sousa, que vê como prioridade um novo goleiro, um zagueiro, um volante e um ponta. Uma reposição de Kenedy também é vista com certa urgência nos bastidores da Gávea.

Romario Paz

Lic. em comunicação social, graduado pela Universidade Central do EquadorJornalista esportivo com experiência em Rádio Televisão e mídia digital. Boa pessoa para caramba!+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias