Qatar 2022

CBF? Após a derrota do Real Madrid, o surpreendente destino de Ancelotti

Por Romario Paz

CBF? Após a derrota do Real Madrid, o surpreendente destino de Ancelotti

Italiano é cotado para dirigir o Brasil, e presidente da CBF quer reunião com treinador

Síguenos enSíguenos en Google News

Maior campeão da Liga dos Campeões da Europa, o Real Madrid não vai ter a chance de conquistar o seu 15º título da competição e se isolar ainda mais dos outros. O Manchester City, pela segunda vez em sua história, vai disputar a decisão continental e vai enfrentar a Inter de Milão, tricampeã continental, no dia 10 de junho, no estádio Olímpico Ataturk, em Istambul, na Turquia.

Essa pode ter sido a última Liga dos Campeões de Carlo Ancelotti no comando do Real Madrid. Isso porque o italiano tem um convite para dirigir a Seleção Brasileira, visando o ciclo para a Copa do Mundo de 2026, na América do Norte. Ele já assumiu ter sido procurado, mas que nunca o chamaram para uma reunião. O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, quer um encontro para formalizar a proposta pelo comandante.

Mais notícias do Futebol Brasileiro: 

No Corinthians, Fagner tem Amarok de 400 mil, mas não chega perto do Audi que tem Cássio

Dudu tem Mercedes de Luxo no Palmeiras, mas o Volvo de Calleri pode impressionar a todos

Campeão da Champions League em 2014, ele conquistou a competição outras três vezes, sendo duas pelo Milan (em 2003 e 2007) e a outra pelo próprio Real Madrid na temporada anterior. Ele ainda conquistaria o Mundial de Clubes em 2007 pelo time italiano, e em 2014 e 2023 comandando os espanhóis. Segundo a mídia local, o presidente Florentino Pérez já teria um acerto com o francês Zinedine Zidane, ex-treinador e jogador do clube, para o lugar de Ancelotti.

CBF quer sim ou sim a Carlo Ancelotti

Desde que Tite deixou o comando técnico, logo após a Copa do Mundo do Catar, o alvo da Confederação Brasileira de Futebol sempre foi o italiano, e tendo como alternativas Luis Enrique (sem clube) e José Mourinho (Roma-ITA), além de Fernando Diniz, do Fluminense. Caso aceite dirigir o time nacional, Carlo Ancelotti ganharia, aproximadamente, R$ 30 milhões anuais.


Mais notícias