Jogadores

O documento que Santos tem e mostra que pode deixar Christian Cueva na rua

Peixe terá que pagar a clube russo, mas receberá quantia milionária em julgamento no TAS

Cueva em sua apresentação pelo Santos
Cueva em sua apresentação pelo Santos

A briga entre Santos e Christian Cueva parece estar longe de ter um final. Recentemente, o clube brasileiro foi notificado de que terá que pagar uma parcela ao Krasnodar, da Rússia, pela aquisição do jogador, em fevereiro de 2019. O acordo foi firmado ainda em 2021, já na gestão do presidente Andrés Rueda, mas só entrou em vigor recentemente.

Enquanto aguarda uma data para o julgamento no TAS (Tribunal Arbitral do Esporte), o Peixe prepara a sua defesa contra o peruano e o Pachuca-MEX, para onde foi o camisa 8 após abandonar o clube, no final de janeiro de 2020. Para provar que Cueva abandonou o clube tendo contrato em vigência, o alvinegro tem as provas para mostrar que nunca deixou de honrar os compromissos com o jogador.

Mais notícias de peruanos:

Os 10 anos de Paolo Guerrero no Brasil: o peruano que conquistou as duas maiores torcidas do país

Ele era desconhecido na Ponte Preta, agora joga em um grande sul-americano, mas fez o Peru perder 10 milhões de dólares

Cueva em treino do Santos

Contratado sob a gestão de José Carlos Peres, Cueva fez apenas 16 jogos pelo Peixe, não marcou gols e não deixou saudades na torcida. Com a camisa alvinegra, ele foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro, tendo atuado por algumas vezes na competição sob o comando do técnico Jorge Sampaoli.

O peruano chegou ao futebol brasileiro em 2016, para defender o São Paulo. Para alguns torcedores do Tricolor do Morumbi, Cueva deixou saudades. Para outros, não faz a menor falta com a camisa do tricampeão mundial. O jogador ainda disputou a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, pela Seleção do Peru.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias