Jogadores

Gabigol não tem no Flamengo o mesmo luxo de Neymar no PSG, mas pode ser o melhor do mundo antes dele por esse motivo

Gabriel Barbosa recebe indicação inédita para ser melhor jogador do mundo e ameaça Neymar

Gabigol não precisou sair do Brasil para conseguir o que Neymar deu duro para conquistar
Gabigol não precisou sair do Brasil para conseguir o que Neymar deu duro para conquistar

Gabriel Barbosa, enfim, chamou a atenção do mundo ao ser indicado para o prêmio de melhor jogador do planeta em 2021 pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS), junto a outros 31 atletas e outros três brasileiros na disputa com Neymar, Marquinhos e Casemiro. Mesmo no futebol brasileiro, Gabigol rivaliza com os europeus.

Na lista estão nomes consagrados do futebol mundial como o atual melhor do mundo Robert Lewandowski (Bayern de Munique), Cristiano Ronaldo (Juventus/Manchester United), Lionel Messi (Barcelona/PSG), e nomes que despontaram na última temporada como Erling Haaland (Borussia Dortmund), Kylian Mbappé (PSG) e Jorginho (Chelsea). Prêmio paralelo ao da FIFA, a IFFHS escolheu apenas três jogadores fora da Europa. Além de Gabigol, foram escolhidos Akram Afif (Al-Sadd, Catar) e Ali Mabkhout (Al Jazira, Emirados Árabes Unidos).

Apesar da indicação, Gabriel Barbosa vive péssima fase com a seca de gols pelo Flamengo. O último gol, ou melhor, os últimos gols de Gabigol com a camisa do Mengão aconteceram no dia 28 de agosto, na goleada por 4 a 0 sobre o Santos pelo Campeonato Brasileiro em que marcou três gols. De lá para cá foram oito jogos em que passou sem marcar um gol sequer, mas ainda é o artilheiro da equipe na temporada com 27 gols.

Os números de Gabriel Barbosa pelo Flamengo em 2021

Gabigol soma em 2021 pelo Flamengo a marca de 35 jogos disputados com 27 gols marcados e sete assistências, além dos títulos da Supercopa do Brasil e do Campeonato Carioca. Gabriel Barbosa não marca há oito jogos e deu duas assistências no período.

Romario Paz

Lic. em comunicação social, graduado pela Universidade Central do EquadorJornalista esportivo com experiência em Rádio Televisão e mídia digital. Boa pessoa para caramba!+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias