Jogadores

De odiado para amado: o jogador peruano que deu título importante ao Corinthians e hoje joga em um time humilde

Jogador levou cartão vermelho em jogo fatídico para os corintianos, mas se redimiu e fez gol muito importante na campanha de título

Jogo contra o Tolima foi o último de Ronaldo Fenômeno como atleta profissional
Jogo contra o Tolima foi o último de Ronaldo Fenômeno como atleta profissional

Contratado para defender o Corinthians em 2011, Luis Ramírez pode dizer que foi do inferno ao céu com a camisa alvinegra. Em sua estreia pelo Timão, fez um golaço no empate por 2 a 2 contra o São Bernardo, em partida válida pelo Campeonato Paulista daquele ano, onde o time se sagraria vice-campeão, perdendo para o Santos de Neymar e Ganso. Porém, em sua segunda partida, colocou praticamente tudo a perder e pensou que seria dispensado ali.

O segundo jogo do "Cachito" com a camisa do Coringão foi na fase preliminar da Copa Libertadores da América, diante do colombiano Deportes Tolima, em Ibagué. O time brasileiro tinha estrelas como Ronaldo e Roberto Carlos, dois pentacampeões mundiais pela Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 2002. Após um empate em 0 a 0 em São Paulo, bastava uma nova igualdade, dessa vez com gols, para que o time de Itaquera se classificasse para a fase de grupos do torneio.

Mais notícias de peruanos:

Os 10 anos de Paolo Guerrero no Brasil: o peruano que conquistou as duas maiores torcidas do país

O jogador que o Vasco da Gama desprezava e agora é um jogador importante na sua seleção

Luis Ramirez fez gol importante na campanha do 5º título brasileiro do Corinthians

Porém, Santoya recebeu passe de Yimmi Chará (que jogaria pelo Atlético Mineiro anos mais tarde) e abriu o placar para o time da casa. Logo em seguida, Ramírez entrou em ação. Em seu primeiro lance em campo, o peruano acertou uma cotovelada em Chará e acabou expulso. Minutos depois, veio o segundo gol do Tolima, dos pés de Wilder Medina. O Corinthians era o primeiro time brasileiro a ser eliminado ainda na fase prévia da Libertadores da América.

Mas ele ganhou nova chance com Tite. Depois de passar muito tempo encostado, "Cachito" voltou aos poucos a conquistar o seu espaço na equipe. E na reta final do Campeonato Brasileiro, diante do Ceará, fora de casa, o peruano entrou em campo. No finalzinho da partida, ele marcou o gol que foi muito importante naquela disputa, pois manteve o Timão na liderança do campeonato, de onde não sairia mais. Após ter ido do inferno ao céu, ele rodou por clubes como Ponte PretaBotafogo Alianza Lima. Atualmente, Ramírez defende o Sport Boys, da cidade de El Callao.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias