Brasileirão

A atitude de Abel Ferreira que agora coloca o Brasil todo contra o Palmeiras, é revoltante

Por Tomas Porto

A atitude de Abel Ferreira que agora coloca o Brasil todo contra o Palmeiras, é revoltante

O técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, se envolveu em uma confusão após o empate por 1 a 1 contra o Atlético-MG, no domingo, no Mineirão

Síguenos enSíguenos en Google News

O técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, se envolveu em uma confusão após o empate por 1 a 1 contra o Atlético-MG, no domingo, no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro. O incidente ocorreu na zona mista do estádio, destinado às entrevistas pós-jogo. O treinador pegou o celular do jornalista Pedro Spinelli, da Globo Minas, que filmava uma discussão entre o diretor de futebol do Verdão, Anderson Barros, e o quarto árbitro Ronei Cândido Alves.

Nas imagens gravadas por Pedro Spinelli, é possível ver a discussão entre Barros e Alves. Abel Ferreira se aproximou da grade que os separava e, em seguida, dirigiu-se ao produtor, pegando o celular e interrompendo a gravação. O técnico só devolveu o aparelho ao perceber que estava sendo filmado por outro jornalista, da Rádio Itatiaia, com quem também iniciou uma discussão, alegando que "o futebol brasileiro está assim por sua responsabilidade".

Mais notícias do Futebol Brasileiro:

Triste demais, o goleiro do PSG que agora corre risco de vida por motivo banal, bizarro

Dorival Júnior finalmente revela suas intenções com Alexandre Pato no São Paulo, chocante

Após o incidente, Abel Ferreira seguiu para os vestiários acompanhado por um segurança do clube. Na entrevista coletiva, o treinador pediu explicações pelo ocorrido, explicando que houve uma discussão entre o diretor esportivo e um dos assistentes da arbitragem no túnel. Abel admitiu ter se excedido, mas afirmou que o futebol possui essas situações, e lamentou o fato de que hoje em dia todos possuem câmeras.

No entanto, o técnico também afirmou que sentiu que houve invasão de privacidade. É importante destacar novamente que a gravação foi realizada em um local autorizado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Abel Ferreira afirmou que há coisas que a imprensa não precisa saber e pediu para que o incidente não se transformasse em uma tempestade, afirmando que são situações que acontecem no futebol.

Abel Ferreira pode ser punido pela CBF

O caso envolvendo Abel Ferreira e a tomada do celular do jornalista gera discussões e levanta discussões sobre os limites da imprensa esportiva, a privacidade dos profissionais e a transparência no ambiente do futebol. O episódio poderá resultar em punições ou medidas disciplinares por parte da CBF e do Palmeiras, que devem investigar o ocorrido.


Mais notícias