Série A

Mano Menezes tem alguem em quem confiar no Internacional, e não é o Taison

Jogador foi destaque nos últimos jogos

Mano Menezes
Mano Menezes

O treinador do Internacional, Mano Menezes, encontrou dentro do elenco colorado um jogador rápido, habilidoso e decisivo para a sequência da temporada, e não é Taison. Para surpresa da torcida gaúcha, o jogador é o jovem Maurício, que chegou a chorar em campo após a vitória de 3x0 sobre o Atlético Mineiro no Beira-rio, em que foi o melhor jogador da partida.

É um alívio porque foi um gol muito especial. Eu já vinha há um tempo sem fazer gol e eu estava sempre me esforçando ao máximo para conseguir ajudar a equipe coletivamente, também com um bom passe e marcação. Eu penso que estava me sentindo um pouco preso nessa questão de poder fazer um gol, de querer fazer um gol, de poder ajudar”, disse Maurício.

Mais notícias do Futebol brasileiro

A mega estrela que chegaria ao Santos graças ao dinheiro que Christian Cueva e Pachuca devem pagar ao Peixe

A sorte que Bryan Angulo teve, quando fez as malas com Fabian Bustos, o motivo de ter ficado em Santos

Maurício joga no colorado há dois anos, mas são duas temporadas muito oscilantes em que o meia não conseguiu se firmar, e nos últimos jogos tem mostrado que pode reverter a situação, “Eu me cobro bastante. Eu sempre fico naquela de querer ajudar a equipe, de querer estar sempre jogando também. Como fazia um tempo que eu estava nessa tecla de não conseguir fazer gol, de não marcar, se tornou um gol muito especial”, declarou.

O meia revelou que foi o contato com o dia a dia do clube que o fez entender a grandeza do Inter, “Desde que cheguei ao clube, o pessoal foi muito atencioso comigo. Sempre que precisei de alguma coisa, eles estavam ali para me ajudar. Acolheram-me super bem. A questão de adaptação foi muito fácil, muito rápido. É um clube que me deu tudo, então devo muita coisa a ele e quero retribuir da melhor forma possível dentro de campo”.

Sintonia maior com Mano Menezes

Maurício avaliou que o mérito de seu desempenho tem influência do treinador, Mano Menezes, “O  Mano já me conhece de um tempo. Foi ele quem me subiu, quando eu estava na base do Cruzeiro. Então, ele já me conhecia bem. É claro que é uma posição muito concorrida ali, né? Temos dois excelentes jogadores (Alan Patrick e Taison), que são fantásticos”, afirmou.

Jorge Dias

Jornalista formado pela Universidade P. Mackenzie em 2013, mas atuo desde 2008 com textos esportivos. Já trabalhei no Diário Lance! como diagramador e jornalista, de 2010 a 2016. Escrevi para Surto Olímpico, Bola Parada, Torcedores.com e Punteiro Izquierdo.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias