Série A

Crise no Flamengo; saiba os motivos que geraram a insatisfação de vários setores no clube

Crise está instaurada no rubro-negro carioca 

Trabalho de Paulo Sousa é questionado.
Trabalho de Paulo Sousa é questionado.

A vitória por 2 a 0 sobre o Sporting Cristal, na estreia da Copa Libertadores, não foi suficiente para acalmar os ânimos dentro do Flamengo. Internamente, há insatisfação por todos os lados, desde o elenco, passando pela comissão técnica e diretoria.

Mais Notícias sobre Futebol Brasileiro:

Casa cheia! Botafogo x Corinthians tem expectativa de mais de 30 mil para a estreia; onde comprar os ingressos

O jornalista Juca Kfouri, em sua coluna na UOL, Nesta quarta-feira (06), publicou uma declaração de Marcos Braz;

"Está difícil. Ninguém está gostando dessa indefinição na escalação, as experiências já deveriam ter acabado. Mas não falo nada diretamente, pra não dizerem que estou interferindo", teria dito o vice-presidente de futebol do clube.

A declaração se refer as escolhas do treinador Paulo Sousa em relação ao time.Uma parte do elenco também levanta vários questionamentos sobre o trabalho do português. 

Paulo Sousa testou 14 escalações diferentes em 15 jogos nesses primeiros três meses de trabalho, a rodagem no elenco já era esperada, mas a indefinição de um time titular depois desse tempo  gera desconforto. Sousa já afirmou várias vezes que não vai abrir mão de suas convicções e da maneira que entende como o trabalho deve ser feito.

Na primeira entrevista, antes de chegar ao clube, Paulo falou sobre Pedro e disse que o atacante teria mais espaço com ele. A situação deixou o camisa 21 bastante animado, ele inciou nem a pré-temporada, fez bons treinos, mas não teve o espaço que o treinador incialmente falou.

Um fato que deixou muitos jogadores, inclusive Pedro, sem grandes explicações, foi a não utilização do jogador durante a Supercopa, principal objetivo do Flamengo neste início de temporada. Depois disso, segundo fontes do dia a dia do Ninho do Urubu, Pedro tem se mostrado um pouco desmotivado nos treinos.

A maneira como Paulo fala nas coletivas de imprensa, sobre a dificuldade de boa parte dos atletas em assimiliar a metodologia é tratada com desconfiança pelo grupo, que não abraçou totalmente as ideias do técnico. 

Parte do elenco entende que há decisões do técnico que atrapalham seu rendimento. Everton Ribeiro, por exemplo, não se sente confortável atuando na ala-esquerda, uma vez que Filipe Luís joga mais recuado e não faz as ultrapassagens.

A vaga de goleiro foi motivo de bastante polêmica até aqui; Hugo iniciou a temporada como titular, por decisão técnica. Diego Alves reclamou, o camisa 1 começou a treinar em dois períodos, perdeu peso mas quando atuou, foi bem mal, principalmente contra o Resende. Agora, com a chegada de Santos, ele não quer ser a terceira opção e já procura novo clube.

A personalidade do treinador também é motivo de insatisfação; alguns jogadores, como David Luiz, teriam mais abertura ao diálogo com o comandante do que outros. Já as queixas de Paulo Sousa recaem sobre a diretoria, para ele, o processo de reformulação da equipe não deveria ser responsabilidade dele e sim dos dirigentes.

Antes de desembarcar no clube, Paulo pediu quatro reforços, que faziam funções as quais ele entendia ser extremamente importante para o desenrolar do seu jogo. Nenhum deles entrou em campo até o momento e das cinco contratações, apenas 2 foram pedidos do técnico.

Andreas Pereira

Uma situação que chama a atenção é a de Andreas Pereira. Internamente na diretoria, há quem acredite que a compra não deve ser efetuada e fazem pressão em Landim, que já tem um acordo com o United. 

A situação causa desconforto em quem defende que, seria mais fácil uma análise de todas as partes e reavaliação da situação por todos juntos. Há quem identifique que falta mais clareza do Flamengo em alguns processos, inclusive na condução de uma reformulação, que suspostamente está nas mãos de Paulo Sousa, pelo menos na teoria.

Mais Notícias sobre Futebol Brasileiro:

Copa Sul-Americana 2022; Pré-jogo Ayacucho x São Paulo; onde assistir AO VIVO, escalações e horários

Bruno Leandro

Lic. em comunicação social, graduado pela Universidade Estadual da Paraíba, Jornalista esportivo e Analista de desempenho.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias