Série A

(VÍDEO) Torcedores do Corinthians cometem cenas assustadoras em protesto

Por Tomas Porto

(VÍDEO) Torcedores do Corinthians cometem cenas assustadoras em protesto

Os torcedores estão revoltados com a situação do Timão desde o ano passado

Síguenos enSíguenos en Google News

Na última terça-feira, 30, o Corinthians entrou em campo pela quarta rodada do Campeonato Paulista. O clássico contra o São Paulo gerou a grande expectativa na Fiel, que torcia para o time finalmente engrenar no torneio estadual. A partida começou com um tabu de 10 temporadas a ser quebrado pelo São Paulo: o Tricolor nunca tinha vencido o Corinthians dentro da Neo Química Arena. Entretanto, após uma década, o São Paulo conseguiu superar o Timão dentro de casa.

Contando com a partida do Majestoso, o Corinthians engatou três derrotas seguidas no Campeonato Paulista. O único confronto do qual saiu vitorioso foi contra o Guarani, onde Ángel Romero fez 1 a 0 na primeira rodada. Contudo, nos jogos contra o Ituano e o São Bernardo, o Alvinegro foi derrotado por 1 a 0. Na partida contra o São Paulo, a derrota foi com mais gols, pois o Tricolor balançou duas vezes a rede corintiana. Para diminuir, o Timão fez um gol.

A Fiel Torcida não poupou críticas ao vexame diante do Ituano. Ainda mais quando o Corinthians veio de uma temporada cheia de altos e baixos e frustrante. Além disso, a torcida começou a criticar, principalmente, o centroavante Yuri Alberto. No confronto com o São Bernardo, novamente, Yuri Alberto ficou entre os assuntos mais comentados da partida. Após a derrota para o São Paulo, os torcedores resolveram protestar no CT.

O tumulto na madrugada

A torcida corintiana se revoltou na madrugada desta sexta-feira e decidiu protestar. Os torcedores foram para frente do CT do Joaquim Grava, jogaram rojões em direção ao local e pretendiam atear fogo. A revolta vem pelo descontentamento com o clube que está há três rodadas do Campeonato Paulista sem vencer. O mau desempenho do time vem desde o ano passado e também causou revolta, protestos e tumulto, principalmente nos dias que antecederam as eleições do clube.


Mais notícias