Série A

Custou R$ 86 milhões, foi ídolo, virou reserva e agora pode sair do Flamengo

Por Tomas Porto

Custou R$ 86 milhões, foi ídolo, virou reserva e agora pode sair do Flamengo

Na era do professor Tite, ele não tem a prioridade no time titular

Síguenos enSíguenos en Google News

No Campeonato Carioca, na primeira rodada, o Flamengo venceu por 4 a 0 o Audax-RJ. Posteriormente, o Mengão empatou em 1 a 1 com o Nova Iguaçu e em 0 a 0 com a Portuguesa-RJ. No dia 30 de janeiro, em partida válida pela quarta rodada do torneio, o Rubro-Negro enfrentou o Sampaio Correia e venceu por 2 a 0. Já no clássico contra o Vasco da Gama, a partida terminou empatada em 0 a 0. Nesta quarta-feira, 7, o Mengão enfrentou o Botafogo.

O Clássico da Rivalidade estava previsto para começar às 21h30. Na busca por vitória, a escalação de Tite contou com: Rossi; Varela, Fabricio Bruno, Léo Pereira e Ayrton Lucas; Erick Pulgar e Gerson; De Arrascaeta, De la Cruz, Pedro e Everton Cebolinha. Desde o início da temporada, Tite vem optando por uma escalação diferente no ataque. Sendo assim, os craques Gabigol e Bruno Henrique, têm perdido espaço entre os titulares e passaram a esquentar banco.

Recentemente, Bruno Henrique renovou com o Flamengo por duas temporadas. A soma dos seus vencidos o fizeram se tornar uma dos jogadores mais caros do elenco. Enquanto isso, Gabigol tem sua situação indefinida na Gávea. As exigências do atacante para renovar não agradam à diretoria flamenguista. Contudo, Rodolfo Landim não achou viável liberar o jogador para outro clube em seu último ano de presidência, sendo que o contrato do jogador vai até dezembro deste ano.

Gabigol decide seu futuro na Flamengo

Na era Tite, Gabigol perdeu o protagonismo na equipe principal. Na partida com o Vasco da Gama, o jogador entrou em campo no segundo tempo e ainda perdeu um pênalti que poderia dar a vitória ao Flamengo. Segundo as informações do jornalista Jorge Nicola, dirigentes flamenguistas enxergam fim de ciclo para o atleta no clube carioca. Gabigol deve continuar no Flamengo até dezembro e vai deixar o clube de graça, sem render nenhum centavo”, revelou Nicola em seu canal no YouTube.


Mais notícias