Qatar 2022

Se recuperando de lesão, Neymar pode parar no United na próxima temporada

Por Romario Paz

Se recuperando de lesão, Neymar pode parar no United na próxima temporada

Craque brasileiro pode se despedir do PSG em julho 

Síguenos enSíguenos en Google News

Neymar não gera consenso em lugar nenhum. Nem no Paris Saint-Germain e nem no Manchester United, com quem negocia para a próxima temporada. Independentemente do que possa acontecer, o jogador tem contrato até 2027, mas seus representantes já negociam a transferência par ao futebol inglês. O craque brasileiro não joga uma partida de futebol desde o dia 19 de fevereiro, quando defendeu o time francês contra o Lille, pela Ligue 1.

Segundo o jornal Mundo Deportivo, o brasileiro só deve voltar a treinar em julho. O seu ambiente assegura que, aos 31 anos, ainda se vê capaz de continuar jogando em alto nível durante pelo menos mais duas ou três temporadas, mas a irregularidade provocada pelas lesões ao longo dos anos não gera confiança nem para o PSG nem para os clubes que possam considerar realizar uma operação no futuro. Times como ChelseaManchester City e também o Newcastle estão interessados nele.

Mais notícias do Futebol Brasileiro:

Ele era humilhado por Ceni no São Paulo, mas agora provou que tem o seu grande valor

Inacreditável, a decisão de Luxemburgo que irritou a torcida do Corinthians

Neymar terá que convencer um United de que não pode se dar ao luxo de mais erros estruturais. Sob o comando de Erik ten Hag, o clube voltou a se classificar para uma final de Copa da Inglaterra, que acontecerá no dia 3, contra o rival City. A temporada pode terminar da melhor forma caso o título venha sobre o time treinado por Pep Guardiola. Um empate contra o Chelsea na quinta-feira (25) já coloca os Diabos Vermelhos na próxima edição da Liga dos Campeões da Europa.

Será que vai?

Nesse contexto, Neymar é visto mais como um problema do que como uma solução. O holandês recuperou Rashford, deu continuidade a Antony e Bruno Fernandes está intocável. Com os recentes protestos na frente de sua casa em Bougival, o camisa 10 da Seleção Brasileira manifestou vontade de deixar o clube parisiense. Além disso, o Manchester Unitedquer um jogador "top de linha" para suprir o lugar que era de Cristiano Ronaldo, que foi para o futebol árabe.


Mais notícias