Jogadores

A fúria incontrolável de Pedro que não aceitou a opinião de Rogério Ceni no Flamengo

Despedida de Gerson foi ofuscada por fúria de Pedro

Pedro se revoltou com Rogério Ceni e ofuscou a despedida de Gerson
Pedro se revoltou com Rogério Ceni e ofuscou a despedida de Gerson

O Flamengo venceu o Fortaleza na noite dessa quarta-feira (23) por 2 a 1, gols de Bruno Henrique (2) e David, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro 2021, e se despediu de Gerson que fez seu último jogo pelo Mengão antes de viajar para a França e se apresentar ao Olympique de Marselha, bem como já focas nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Mas em uma partida em que tudo era festa, Pedro fez questão de roubar as atenções para si.

Gerson fez seu último jogo pelo Flamengo. Foto: Vavel.com

Logo aos 20 minutos do segundo tempo, Rogério Ceni resolveu mexer na equipe, algo que não acontecia com poucos minutos da segunda etapa, e sacou Pedro para a entrada de Rodrigo Muniz, ambos grandes artilheiros na temporada com nove gols marcados cada um, mas a fúria de Pedro tomou conta do atleta que não cumprimentou o companheiro e chutou os copos de água espalhados pelo chão.

No banco de reservas, Pedro ainda resmungou contra a substituição de Rogério Ceni, mas não chegou a tirar satisfação do comandante. Porém, Rogério Ceni concedeu entrevista após o jogo e recriminou a atitude infantil de Pedro como colocou e afirmou que a convocação do atacante para defender a Seleção Brasileira em Tóquio desestabilizou o jogador.

Pedro ainda não sabe se jogará as Olimpíadas

Há exatamente uma semana, André Jardine convocou os 18 atletas que defenderão a Seleção Brasileira nos Jogos Olímpicos de Tóquio entre julho e agosto, e Pedro estava na lista, porém, o Flamengo foi o único time que impediu inicialmente a participação do jogador na competição e o caso ainda não foi resolvido, mas deve ter uma resposta final até o fim dessa semana.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias