Copas Internacionais

Dados revelam que o clube que mais reclama da arbitragem também é o mais ajudado

Um levantamento mostrou a hipocrisia do Verdão

Arbitro brasileiro
Arbitro brasileiro

Segundo um levantamento feito pelo Globoesporte, o Palmeiras juntamente do Athletico Paranaense são os clubes mais agraciados com pênaltis nas competições brasileiras. Curiosamente, o Verdão é o clube que mais vem reclamando da arbitragem da CBF e faz uma enorme pressão nos bastidores para que Wilson Seneme, presidente da Comissão de Arbitragem da entidade, deixe o cargo.

O Athletico e o São Paulo vem logo atrás, enquanto Avaí e Atlético-MG fecham o top-5. O Santos é quem mais tem penalidades contra, com 10. Na semana passada, os presidentes e dirigentes dos clubes das séries A e B se reuniram com o presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, para cobrarem novos posicionamentos da arbitragem.

Mais notícias do Futebol brasileiro

Chineses se desesperam ao ver que o Flamengo lhes tirou a sua maior estrela

Felipão humilhou tanto o jogador do Furacão que agora ele quer ir embora

Segundo os números mostrados, o Palmeiras tem uma média de 0,38 por partida e contabiliza 84% de aproveitamento: fez 16 gols. O Tricolor teve 16 penalidades e acertou 13, com 81%. Já o Furacão marcou 10 em 14 oportunidades e possui 71%. O Avaí e o Galo bateram dez pênaltis, mas o time catarinense tem melhor rendimento: fez nove (90%) contra oito (80%) da equipe mineira.

Nas penalidades, o time mais faltoso é o Santos, com dez penaltis marcados contra a equipe. São Paulo (nove) é o segundo, e quatro times viram a marca da cal contra por oito vezes: Athletico, Corinthians, Goiás e Juventude. O Flamengo, outro favorito ao título, teve apenas 9 penaltis a favor sendo 7 convertidos.

Jorge Dias

Jornalista formado pela Universidade P. Mackenzie em 2013, mas atuo desde 2008 com textos esportivos. Já trabalhei no Diário Lance! como diagramador e jornalista, de 2010 a 2016. Escrevi para Surto Olímpico, Bola Parada, Torcedores.com e Punteiro Izquierdo.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias