Série A > Libertadores 2021

Você não acreditará no que o Palmeiras vai gastar seus milhões de reais se conseguir vencer a Copa Libertadores

Palmeiras e Santos decidem a Copa Libertadores 2020

Tudo o que a Libertadores pode transformar o Palmeiras em 2021.
Tudo o que a Libertadores pode transformar o Palmeiras em 2021.

A final da Copa Libertadores da América 2020 está definida. Palmeiras e Santos, uma final brasileira assim como em 2005 com São Paulo e Athletico-PR e em 2006 com Internacional e São Paulo, decidirá o novo campeão do continente. O Palmeiras venceu uma única vez em 1999 e chega a sua primeira final no século XXI, já o Santos já faturou a taça três vezes, a última em 2011 e pode se tornar o brasileiro com mais títulos da Libertadores.

Além da glória eterna e de todo o prestígio que o torneio proporciona (assim como a classificação ao Mundial de Clubes), a premiação do maior torneio de clubes da América do Sul é astronômica e já ajuda ambas as equipes apenas por chegarem a final. O vice-campeão fatura US$ 6 milhões (cerca de R$ 31,4 milhões na cotação atual), enquanto o campeão leva para a casa US$ 15 milhões (cerca de R$ 78,6 milhões na cotação atual), fora os R$ 33 milhões já garantidos para Verdão e Peixe.

Com essa fortuna nos cofres palmeirenses, a primeira meta é a busca de reforços, já que Abel Ferreira, técnico da equipe, já reclamou por diversas vezes do elenco reduzido do Alviverde e pretende trazer novos nomes para a equipe. Nomes mais badalados do mercado e que estão sem clube, Diego Costa e Hulk continuam no radar palmeirense e o dinheiro da competição ajudaria a convencer um dos dois atacantes para reforçar o Verdão.

Mas existem outras exigências dentro do Palestra Itália como o volante Zé Ricardo (América-MG), o meia Aníbal Moreno (Newell’s Old Boys) e os atacantes Caio Dantas (Sampaio Corrêa) e Léo Ceará (Vitória).

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias