Série A > Flamengo

Todos os milhões que o Flamengo perdeu para o São Paulo em 2020 e por que Rogério Ceni é a pessoa ideal para devolver o reinado ao Mengão

Clássico nacional foi o principal duelo de 2020

Flamengo perdeu fortuna para o São Paulo e só Rogério Ceni pode salvar.
Flamengo perdeu fortuna para o São Paulo e só Rogério Ceni pode salvar.

O futebol em 2020 foi diferente de todos os outros anos passados. Paralisação por quatro meses, maratona de jogos, muitos jovens da base dos clubes que precisaram subir ao profissional, temporada que não acaba neste ano, enfim, muitos motivos deixam este ano como o mais conturbado do futebol brasileiro. Entre os principais duelos que mexeram com o sentimento dos torcedores muitos se destacaram nas finais dos estaduais, na Copa do Brasil ou no Brasileirão, mas nenhum foi tão estrondoso como Flamengo e São Paulo.

O clássico interestadual foi o mais procurado no maior site de buscas do mundo, o oitavo termo entre todas as áreas dentro e fora do esporte, à frente até do Campeonato Brasileiro e da NBA, a liga norte-americana de basquete. Em 2020 foram três partidas entre as equipes com três vitórias do Tricolor paulista entre Brasileirão e Copa do Brasil. Pela competição de pontos corridos a vitória de 4 a 1 em pleno Maracanã ajudou a derrubar Domènec Torrent na semana seguinte. Pela quartas de final da Copa do Brasil, na estreia de Rogério Ceni no Flamengo, mais duas derrotas por 2 a 1 no Maracanã e 3 a 0 no Morumbi, todas as partidas no intervalo de 18 dias em novembro.

Somente na Copa do Brasil o Flamengo perdeu R$ 61 milhões, e pelo Campeonato Brasileiro a briga pelo título até o momento faz o Mengão, terceiro colocado, ganhar R$ 3 milhões a menos do que o rival que está na liderança da competição. E quem melhor conhece o São Paulo é o próprio Rogério Ceni, que tem 12 jogos pela frente para mostrar que o Flamengo é o melhor time do Brasil.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias