Série A

Revelam qual era o problema, Atlético Mineiro anuncia saída de Diego Costa

O ex-atacante do Atlético de Madrid ou Chelsea rescindiu contrato com o 'Galo', embora de acordo com avanços do Brasil ele poderia ficar no país, mas em outro clube. Ele argumentou sua saída por motivos pessoais.

Diego Costa vai embora do Atlético Mineiro
Diego Costa vai embora do Atlético Mineiro

O Atlético Mineiro, campeão em 2021 do Brasileirão e da Copa do Brasil, anunciou nesta terça-feira a saída do atacante Diego Costa, ex-atacante do Atlético de Madrid e do Chelsea. O diretor do departamento de futebol do Mineiro, Rodrigo Caetano, disse que o atacante, que está de férias em Madrid, pediu a rescisão do contrato por não ter se adaptado ao time. A imprensa brasileira indica que ele já poderia ter recebido uma oferta do Corinthians.

O campeão brasileiro concordou em antecipar sua saída sem lhe cobrar o valor estabelecido no contrato como multa rescisória.

O atacante nascido há 33 anos em Lagarto (Sergipe), estava sem contrato desde dezembro de 2020 após deixar o Atlético de Madrid. Em agosto passado, ele aceitou uma proposta do Atlético Mineiro para voltar ao Brasil depois de 16 anos jogando no exterior.

Mais notícias de Atlético Mineiro:

Fim da novela! Conheça "El Turco" Mohamed, novo técnico do Atlético-MG
O contrato que assinou então o comprometeu com o clube de Belo Horizonte até o final de 2022, mas Costa, que também tem nacionalidade espanhola, solicitou a rescisão após apenas cinco meses.

“No final da temporada passada, Diego nos procurou e expressou seu desejo de sair. Os motivos alegados foram a não adaptação e outros assuntos pessoais. Tentamos fazê-lo desistir da ideia e ele concordou em continuar conosco até o final (do ano)", explicou o técnico hoje.

Diego Costa não é mais jogador do Atlético Mineiro no Brasil. (Foto: @Atletico)

Caetano destacou a importância do atacante nas conquistas do Atlético Mineiro no ano passado, a melhor temporada da história do clube. Mas ele admitiu que o jogador disse a eles que poderia solicitar sua saída a qualquer momento. “Ele sempre deixou claro para nós que, a qualquer momento, se não se sentisse bem aqui e quisesse sair, seria liberado. E foi isso que foi combinado”, acrescentou.

Mais notícias de Atlético Mineiro:

Veja o salário milionário que Godín receberá no Atlético-MG

Qual foi o problema?

Caetano admitiu que o acordo com Costa previa que nenhuma das partes cobrasse multa nesse caso. “Temos muito a agradecer ao Diego. Ele estava conosco e foi muito importante. É muito provável que ele não esteja conosco na nova temporada, mas continuamos as conversas. Ainda temos que chegar a um denominador comum”, disse.

O ex-jogador do Sporting Club de Braga, Braga, Penafiel, Celta de Vigo, Albacete, Valladolid e Rayo Vallecano recebeu uma proposta do Corinthians. Com o Atlético de Madrid, Diego Costa conquistou a Supercopa da UEFA em 2010, 2012 e 2018 e a Liga Espanhola em 2014 e 2021. E com o Chelsea conquistou a Premier League nas temporadas 2014-2015 e 2016-2017.

Romario Paz

Lic. em comunicação social, graduado pela Universidade Central do EquadorJornalista esportivo com experiência em Rádio Televisão e mídia digital. Boa pessoa para caramba!+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias