Série A > Palmeiras

Palmeiras: Felipe Melo enlouqueceu e ameaçou o River Plate antes da semifinal da Copa Libertadores

As semifinais da Copa Libertadores entre River e Palmeiras podem ter um tempero a mais se Felipe Melo chegar à partida de volta

Palmeiras enfrenta River Plate.
Palmeiras enfrenta River Plate.

O capitão do Palmeiras expressou repetidamente seu amor pelo Boca e não poderá estar presente na primeira mão porque está se recuperando de uma fratura no tornozelo esquerdo. Enquanto isso, esquentava o clima com alguns vídeos nas redes e em um deles com um bom presságio do processo contra os comandados por Marcelo Gallardo.

Nesse caso, ele afirmou “será um ano de vitórias e muitas bênçãos para nós”, em vídeo gravado ontem na Academia de Futebol, que é o centro de treinamento do Verdão. Na mensagem, ele também desejou "vitórias e saúde a todos os seus seguidores".
Além disso, ontem à noite ele publicou outro vídeo onde é visto assistindo o Boca-River Superclásico. Foi no final do primeiro semestre que o elenco de Xeneize estava vencendo por 1 a 0. Isso gerou muitas críticas dos torcedores da equipe de Núñez.

Melo não estará à disposição do técnico português Abel Ferreira, naquela que será a primeira partida contra o River, nesta terça-feira, a partir das 21h30, no Estádio Libertadores de América. Por enquanto, ele está treinando contra o relógio para ver se se recupera e chega à segunda partida pelas semifinais da Copa Libertadores, que será no dia 12 de janeiro, em São Paulo. Em um dos posts onde aparece treinando, Melo citou uma frase de Ayrton Senna: “Em termos de comprometimento, esforço, dedicação, não existe meio-termo. Você faz algo bem ou não ”.

O meio-campista de 37 anos jogou por clubes italianos como Inter, Juventus e Fiorentina. Pela Seleção, conquistou a Copa das Confederações em 2009. Chegou ao Palmeiras em 2017, disputou 108 jogos e marcou oito gols. Com o Palmeiras  conquistou o Campeonato Nacional de Clubes (ou Brasileirao) em 2018 e o Campeonato Paulista em 2020. Em entrevista à TyC Sports em março deste ano, Melo garantiu que “Eu nunca jogaria pelo River porque não sou 'Gallina'. Isso é por paixão, não apenas por dinheiro ”. E que seu amor pelo Boca vem desde muito jovem: “Há um tempo falei sobre isso e no Brasil recebi críticas. Gosto do Boca quando assisto ao campeonato argentino, mas na Libertadores sou do Palmeiras ”.

Hoje o time do Palmeiras voltou a treinar antes do confronto desta terça-feira contra o River. Por enquanto, Felipe Melo colocou pimenta no assunto e espera dar um tempero maior se vier a enfrentar o Milionário na definição das semifinais da Copa Libertadores.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias