Série A > Libertadores 2021

Dudu define seu futuro com o Palmeiras, mas essas são as condições quase impossíveis que o Verdão deve cumprir para ter o jogador em 2021

Atacante está emprestado ao Al-Duhail, do Catar

Palmeiras precisa de milagre para repatriar Dudu
Palmeiras precisa de milagre para repatriar Dudu

Que o Palmeiras é o time do momento no Brasil, poucos duvidam afinal participar de três competições simultâneas e com chance de título em todas elas é tarefa difícil, mas o Verdão mostra que após ser campeão paulista, a final da Copa do Brasil, a semifinal da Copa Libertadores da América e a sexta colocação no Campeonato Brasileiro são frutos de um grande trabalho coletivo de uma temporada conturbada.

E a consistência coletiva proposta por Abel Ferreira já rende frutos no Palmeiras que, em sua melhor temporada no século, já se esqueceu da ausência de Dudu, ídolo palmeirense que esteve no clube entre 2015 e 2020 e atualmente está emprestado ao Al-Duhail, do Catar, clube no qual é destaque e que também se prepara para jogar o Mundial de Clubes em fevereiro no país asiático. Existe até a chance de Palmeiras e Dudu se reencontrarem caso o Verdão vença a Libertadores.

Mas com empréstimo até junho de 2021, Dudu já rendeu ao Palmeiras R$ 43 milhões pelo empréstimo, mas para voltar ao Brasil, o Al-Duhail precisa optar por dispensar o atacante, algo quase impossível no momento pela fase do jogador no Catar que tem dez gols e sete assistências no campeonato nacional. Para ficar com o camisa 77, o montante a ser pago seria de £ 6 milhões (cerca de R$ 40 milhões na cotação atual).

Mas até uma mensagem do ex-presidente do Palmeiras Paulo Nobre pode balançar o atacante. Em sua rede social, Dudu postou uma conversa com Nobre em que é parabenizado pelos seis anos que chegou ao Palmeiras, um marco para ele. Dudu agradeceu e confessou ser palmeirense e grato ao ex-mandatário e ao ex-diretor de futebol Alexandre Mattos.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias