Série A

Nem Cássio, nem Pedro Raul, o reforço de luxo do Corinthians para enfrentar o Santo André

Por Romario Paz

Cássio e Pedro Raul no Corinthians

Timão segue sonhando com a classificação para o mata-mata do Campeonato Paulista 2024

Síguenos enSíguenos en Google News

Neste sábado (2), a partir das 16h (horário de Brasília), o Corinthians entra em campo pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. Jogando na Neo Química Arena, ao lado do seu torcedor, o Timão terá pela frente o Santo André, que ainda não venceu na competição. Sonhando com a classificação para o mata-mata do Paulistão 2024, o Alvinegro do Parque São Jorge chega pressionado para o duelo decisivo, precisando destemperadamente dos três pontos.

Ocupando última posição do Grupo C, o Corinthians tem um enorme desafio pela frente nessa reta final da primeira fase do Campeonato Paulista 2024. Precisando vencer as duas partidas que faltam para o término da primeira parte da competição, o Timão ainda terá que torcer contra a Inter de Limeira e o Mirassol. Em caso de vitória de uma das equipes, o time comandado por António Oliveira será eliminado do estadual.

Para o jogo contra o Santo André, treinador português conta com retornos importantes. Após cumprir suspensão automática contra a Ponte Preta, Cássio está de volta ao time titular do Corinthians. Além do goleiro, Pedro Raul se recuperou de lesão e poderá ajudar a equipe durante a partida.

Igor Coronado pode estrear pelo Corinthians

Contratado pelo Corinthians para ser o grande destaque da equipe no meio-campo, Igor Coronado tem a chance de disputar sua primeira partida pelo Timão. Considerado um dos principais jogadores do Campeonato Saudita nas últimas temporadas, o meia de 31 anos de idade optou por deixar a Arábia Saudita para atuar no Brasil, realizando um sonho.

Pelo Al-Ittihad, Coronado brilhou no Oriente Médio. Conquistando a última edição da Liga Saudita, o meio-campista deixou o seu nome na história recente da equipe. Atuando ao lado de Karim Benzema e Romarinho, o 'camisa 10', disputou o Mundial de Clubes da FIFA, caindo precocemente nas quartas de final para o Al-Ahly, do Egito.


Mais notícias