Qatar 2022

Mesmo atuando muito bem, Ederson não deve ser o melhor goleiro da Champions

Por Romario Paz

Mesmo atuando muito bem, Ederson não deve ser o melhor goleiro da Champions

Goleiro brasileiro busca o seu primeiro título continental

Síguenos enSíguenos en Google News

Em sua segunda final de Liga dos Campeões da Europa, o Manchester City quer conquistar o seu primeiro título e acabar com as gozações na Inglaterra e mundo afora. Dos times considerados grandes no futebol inglês, os Cityzens são os únicos a nunca terem conquistado a “orelhuda”. No dia 10 de junho, em Istambul, o time terá pela frente a Inter de Milão, tricampeã do torneio.

E como diz o ditado, todo time começa por um grande goleiro. E quem defende a meta inglesa é um brasileiro: Ederson, que costuma ser titular em algumas partidas da Seleção Brasileira. No vice-campeonato da Copa América de 2021, ele foi o titular, além de ter ido a duas Copas do Mundo como reserva (atuou na derrota por 1 a 0 para Camarões).

Mais notícias do Futebol Brasileiro:

Dudu tem Mercedes de Luxo no Palmeiras, mas o Volvo de Calleri pode impressionar a todos

Ele saiu de uma lesão no Grêmio e já foi considerado o melhor em campo por Renato Gaúcho

Durante a campanha até aqui, o brasileiro sofreu apenas cinco gols e foi um gigante para levar os Cityzens até a sua segunda final, em busca da redenção. Na decisão de 2021 contra o Chelsea, em Portugal, o brasileiro falhou feio no lance que resultou no gol de Kai Havertz, que deu aos londrinos o bicampeonato europeu.

Frustração

E o jogador brasileiro também não deve ser eleito o melhor goleiro da Champions League, segundo informações. Isso porque outros nomes como Thibaut Courtois, do Real Madrid, André Onana, da Inter, e Mike Maignan, do semifinalista Milan, também figuram na disputa pelo posto de melhor goleiro da competição na temporada 2022/2023.


Mais notícias