Qatar 2022

O documentário “Olha o que ele fez”, que conta a história de Galvão Bueno na Globo

Por Tomas Porto

O documentário “Olha o que ele fez”, que conta a história de Galvão Bueno na Globo

O documentário "Olha o que ele fez", que conta a trajetória de Galvão Bueno na Globo, entrou nesta quinta-feira no serviço de streaming

Síguenos enSíguenos en Google News

O documentário "Olha o que ele fez", que conta a trajetória de Galvão Bueno na Globo, entrou nesta quinta-feira no serviço de streaming da emissora, despertando o interesse dos fãs e espectadores. Os diretores da obra, Gustavo Gomes e Sidney Garambone, abriram-se sobre um dos pontos abordados no documentário: a relação entre Galvão Bueno e o renomado jogador de futebol Neymar.

Durante uma entrevista no "Charla Podcast", Gustavo Gomes revelou que o ex-jogador Cafu, que participa do documentário, critica Galvão Bueno e sugere que o narrador peça desculpas a Neymar pelas críticas feitas ao jogador. No entanto, Garambone compartilhou a resposta surpresa de Galvão frente a essa sugestão, argumentando que suas críticas foram direcionadas apenas ao desempenho do atleta dentro de campo, sem envolver sua vida pessoal ou familiar.

Mais notícias do Futebol Brasileiro:

Renato Gaúcho dá tapa na cara da imprensa em coletiva pelo Grêmio, ficaram sem palavras

Gabigol tem Porsche de milhões, mas Neymar o deixou com inveja com sua raridade

"Eu? Pedir desculpa ao Neymar? Por quê? Não falei mal da família dele, da vida particular dele. Não entendi porque tenho que pedir desculpas", afirmou Galvão Bueno, conforme relatado por Sidney Garambone.

Neymar, por sua vez, recusou o convite para participar do documentário no "Globoplay", juntando-se a outros nomes notáveis que também declinaram a oferta. O jornalista Renato Maurício Prado, o ex-técnico Felipão e o ex-piloto de Fórmula 1 Nelson Piquet foram outros que não aceitaram fazer parte da produção.

A recusa de grandes figuras do Futebol Brasileiro

A recusa dessas figuras conhecidas gerou especulações sobre os motivos por trás de suas decisões. Enquanto alguns podem ter optado por não se envolver em polêmicas passadas, outros podem ter preferido manter sua privacidade ou não desejado reacender antigas controvérsias.

Tópicos


Mais notícias