Lendas > Jogadores

Mensagem emocional de Pelé para Maradona uma semana após sua morte

Pelé rejeitou comparações com o astro argentino e confessou seu amor por "El Pibe de Oro"  

O brasileiro postou uma imagem no Instagram que dá a volta ao mundo.
O brasileiro postou uma imagem no Instagram que dá a volta ao mundo.

O ex-futebolista brasileiro Edson Arantes do Nascimento 'Pelé' afirmou nesta quarta-feira que seu "grande amigo" Diego Armando Maradona, falecido há sete dias, era "uma verdadeira lenda" impossível de comparar.

Pelé rejeitou comparações com o astro argentino e confessou seu amor por "El Pibe de Oro". “Muitas pessoas adoraram nos comparar ao longo de suas vidas. Você foi um gênio que encantou o mundo. Um mago com a bola aos pés. Uma verdadeira lenda. Mas acima de tudo, para mim, você sempre será um grande amigo, com um coração ainda mais ótimo ", disse Pelé, de 80 anos.

“Hoje sei que o mundo seria muito melhor se pudéssemos nos comparar menos e passar a nos admirar mais. Por isso, quero dizer que vocês são incomparáveis”, completou.

Pelé e Maradona não coincidiam em campo, mas durante décadas tiveram uma rivalidade mediática.

Em 2010, a lenda viva do Santos e do Cosmos chegou a afirmar que Maradona "aceitava" na época o cargo de técnico da Argentina porque "precisava de emprego e dinheiro".

O ex-jogador do Boca Juniors, Barcelona e Nápoles respondeu então com um "retorno ao museu", embora nos últimos anos tenham demonstrado admiração e afeto mútuo. Porém, Pelé quis com esta nova publicação enterrar definitivamente aquela imagem de confronto com 'el Pelusa'.

"Sua carreira foi marcada pela honestidade. Você sempre declarou seus amores e tristezas aos quatro ventos. E esse jeito particular nos ensina que temos que amar e dizer 'eu te amo' muito mais vezes. Sua partida rápida não me deixou dizer a você, então apenas Eu escrevo: 'Eu te amo, Diego' ", disse Pelé.

Maradona morreu na quarta-feira da semana passada aos 60 anos em consequência de uma parada cardíaca que sofreu em uma residência na cidade de Tigre, em Buenos Aires, onde se recuperava de uma recente operação à qual havia sofrido um hematoma subdural.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias