Jogadores

Olimpíadas de Tóquio mexem com Pedro que não tem mais saída no Flamengo e pode deixar milhões ao clube

Seleção Brasileira não pode mais esperar o Flamengo por Pedro

Pedro ainda não sabe se disputará as Olimpíadas de Tóquio
Pedro ainda não sabe se disputará as Olimpíadas de Tóquio

A Seleção Brasileira de futebol masculino que disputará as Olimpíadas de Tóquio foi convocada pelo técnico André Jardine no dia 17 de junho, e entre os 18 nomes chamados, 16 já confirmaram liberação dos clubes e participação na maior competição esportiva do mundo. Um dos que ainda não conseguiu é Gerson, que precisa conversar com seu novo clube, o Olympique de Marselha, e o outro é Pedro, do Flamengo, que vive situação mais delicada.

Entre os 18 convocados, metade são de times do Brasil e todos eles foram liberados de Athletico-PR, Atlético-MG, Grêmio, Palmeiras, Red Bull Bragantino e São Paulo, mas o Flamengo está em guerra com a Confederação Brasileira de Futebol e não deve liberar facilmente um de seus grandes craques, mesmo que o sonho dele seja estar no Japão como comemorou em seu Instagram a convocação de André Jardine.

Pedro vive capítulo final entre guerra fria de Flamengo e CBF. Foto: Mundo Rubro Negro

Por não se tratar de Data FIFA, o Flamengo não é obrigado a liberar Pedro para a disputa dos Jogos Olímpicos 2020, mas a data limite de 30 de junho bate à porta para saber a resposta final da guerra fria criada entre as partes. E se não for liberado, novos nomes deverão ser estudados e um terá que ser chamado rapidamente para compor a seleção que busca o bicampeonato e mais um ouro olímpico.

Quem pode ficar com a vaga de Pedro?

Entre os atacantes que estavam na pré-lista, Rodrygo, Yuri Alberto e David Neres podem ser chamados por André Jardine, além de atacantes que participaram de outras partidas em amistosos no ciclo como Gabriel Martinelli, Pedrinho e Evanílson.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias