Série A

Projeto Red Bull Bragantino sonha alto e incomoda os grandes

Clube foi vice-campeão da Sul-Americana e já está praticamente classificado para a Libertadores

Red Bull Bragantino é o time que mais cresce no país (Foto: redbull.com)
Red Bull Bragantino é o time que mais cresce no país (Foto: redbull.com)

O Red-Bull Bragantino quer se firmar como um dos principais clubes do Brasil e está fazendo por onde na atual temporada. Afinal, o clube de Bragança Paulista foi vice-campeão da Copa Sul-Americana e tem 99,9% de chances de se classificar para a Libertadores pela segunda vez em sua história. O sucesso do time é tamanho que o Braga já está até cedendo jogadores para a Seleção Brasileira, como foi o caso do atacante Artur, em setembro.

Apesar de muito criticado pelos mais tradicionalistas, o projeto Red-Bull é um exemplo de gestão até o momento. A empresa de energéticos injetou uma grana bruta na equipe quando ela ainda estava na Série B, mas tem colhido resultados. Além do bom momento dentro de campo, o clube tem feito boas negociações no mercado da bola e garantiu um bom dinheiro em premiações e patrocínios.

Ainda não se sabe os valores de 2021, mas segundo reportagem da ESPN, o clube terminou 2020 com um faturamento de 145 milhões de reais, um aumento considerável em relação ao ano anterior, quando contabilizou 39 milhões.

O Red Bull pensa a longo prazo e planeja a construção de um mega centro de treinamento, em Atibaia. Além disso, estuda como transformar seu estádio em uma Arena, já que a cidade abraçou a equipe e tem comparecido nas arquibancadas.

O sucesso do projeto incomoda os grandes, mas o crescimento da equipe nos últimos anos reabriu discussões sobre os modelos alternativos de administração que podem ser implementados nos endividados clubes do Brasil. A questão do clube-empresa já está sendo avaliada juridicamente e promete revolucionar o futebol nacional.

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias