Série A

O São Paulo está destruído! Saiba o que foi conversado entre Rogério Ceni, Júlio Casares e os jogadores para evitar rebaixamento

Clube foi goleado em casa pelo Flamengo e busca reabilitaçaõ urgente no Brasileirão

São Paulo teme rebaixamento inédito no Brasileirão
São Paulo teme rebaixamento inédito no Brasileirão

Rogério Ceni e Júlio Casares pediram reunião com os atletas para acertar as aretas e buscar livrar o clube do rebaixamento 

O clima ficou muito ruim no São Paulo após a derrota humilhante para o Flamengo em pleno Morumbi, por 4x0, tanto que fez com que os jogadores tivessem uma reunião de emergência com o presidente do clube, Júlio Casares, e o técnico Rogério Ceni. A reaproximação da zona de rebaixamento logo nas últimas rodadas do Brasileirão fez com que o sinal de alerta tocasse em alto e bom som no clube.

A reunião teria sido pedida por Rogério Ceni, que estaria enfurecido com os comportamento acomodado de parte do elenco nas últimas rodadas, nas partidas importantes do clube nesse período, e teria feito duras cobranças ao elenco e teria total apoio de Júlio Casares, segundo informações do jornalista Jorge Nicola.

Com a derrota de ontem, o São Paulo estacionou na 15ª colocação do campeonato, há apenas 2 pontos do Juventude, o primeiro clube dentro da zona da degola da competição, 38 a 36, respectivamente, mas os Juventude e o Bahia, que também briga para não cair tem um jogo a menos que o Tricolor. Além do mais, São Paulo e Juventude se enfrentam ainda nessa reta final de competição.

Panela de pressão Tricolor

No entanto, torcedores apontam que existe um risco muito grande para Ceni poder perder o elenco após a bronca dada, já que muitos torcedores apontam que os jogadores do São Paulo são mimados e temem pelo futuro do clube. No entanto, com seis jogos para o final, para que o Tricolor escape definitivamente do risco de rebaixamento, basta que o clube vença, pelo menos, 2 partidas para que atinja o número que os matemáticos acreditam ser necessários para ter fim a agonia são-paulina.

Dessas seis partidas, três serão ao lado de sua torcida, no Morumbi, contra Athletico-PR, Sport e Juventude, as demais, fora, serão contra América-MG, na última rodada, Grêmio, na antepenúltima e nesta quarta-feira o clube encara o Palmeiras no Allianz Parque, às 20h30 para iniciar a sequência de jogos crucial para a permanência do clube.

Mais notícias do futebol brasileiro:

A estranha fala de Rogério Ceni que causou fúria na torcida do São Paulo após vexame no Morumbi

Após ser humilhado pelo Flamengo, Luciano está furioso com o São Paulo e diz o que achou das vaias da torcida

Wesley Alencar

Jornalista desde 2017, formado pela Universidade São Judas Tadeu, e atuante como redator desde 2015. Passagens pelas rádios Max FM Cotia e Meteleco.net, além de outros portais de esportes e entretenimento. Cubro as principais informações de Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Corinthians.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias