Série A

Funcionário do Santos tentou subornar atleta do RB Bragantino, Presidente denuncia caso; Saiba mais

Presidente do Santos denunciou episódio nesta segunda-feira (20)

Santos
Santos

Uma denúncia feita pelo presidente do Santos, André Rueda, causou um transtorno dentro da Vila Belmiro. Segundo o dirigente, um funcionário do clube foi flagrado entregando um envelope com o conteúdo não revelado, a uma jogadora do Bragantino no empate entre as duas equipes por 1x1. A atleta comunicou o diretor executivo do clube, que entrou em contato com o clube praiêro.

Mais notícias do Futebol brasileiro:

Bicou pra machucar; Galo ressurge e mantém 'El Turco' para duelo contra o Flamengo

“A gente teve um fato lamentável comprovadamente nesse fim de semana que talvez seja a cabeça de um iceberg do que está acontecendo no nosso futebol. Um funcionário do nosso clube, do futebol feminino, utilizando-se de um intermediário do Bragantino, tentou subornar uma jogadora do Bragantino para arranjar um resultado elástico já no primeiro tempo do jogo para efeito de apostas” afirmou o presidente do Santos.

Rueda não esclareceu se o mesmo acusado foi responsável por entregar um envelope quarta-árbitra, o presidente do Santos pediu que o fato fosse investigado e não revelou o conteúdo do documento. Segundo o clube, o funcionário acusado do suborno foi demitido assim que a diretoria tomou conhecimento do caso.

O presidente do Santos insistiu que a arbitragem fosse investigada, “Avisamos a CBF. Abrimos um BO para apuração criminal dos fatos e estamos preparando todo um material para encaminhar para o Ministério Público. Não ficaremos contentes enquanto não apurarmos toda a podridão” afirmou.

RB Bragantino confirmou episódio

O RB Bragantino confirmou em nota o ocorrido, confira abaixo a nota na íntegra:

"O Red Bull Bragantino vem a público para, infelizmente, confirmar as alegações de assédio a uma das nossas jogadoras antes da partida contra o Santos, pelo Brasileirão Feminino.

A atleta da nossa equipe foi contatada, por meio de mensagens, com uma proposta de suborno para combinação de determinado resultado.

A jogadora prontamente recusou e informou aos superiores, que se certificaram em manter a lisura do jogo e encaminharam a denúncia a nossa diretoria.

Assim que cientes, tomamos todas as medidas internas, entramos em contato com o Santos para apresentar as provas do acontecido, e os dois clubes entregaram o material às autoridades competentes.

Lamentamos que esse tipo de assédio aconteça em nosso futebol e vamos trabalhar para coibir qualquer atitude que manche a integridade do esporte"

Mais notícias do Futebol brasileiro:

Está chegando ao fim; ídolo do Flamengo confirma saída em 2022

Jorge Dias

Jornalista formado pela Universidade P. Mackenzie em 2013, mas atuo desde 2008 com textos esportivos. Já trabalhei no Diário Lance! como diagramador e jornalista, de 2010 a 2016. Escrevi para Surto Olímpico, Bola Parada, Torcedores.com e Punteiro Izquierdo.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias