Qatar 2022

O presente de 820 reais que Neymar deu para Bruna Biancardi, é impressionante

Por Jorge Dias

O presente de 820 reais que Neymar deu para Bruna Biancardi, é impressionante

Craque presenteou a sua amada no dia das Mães 

Síguenos enSíguenos en Google News

No último fim de semana, Neymar presenteou Bruna Biancardi no dias das Mães. O craque brasileiro enviou uma arranjo de flores para a sua amada, que está gravida. Segundo o portal Terra, o presente é composto por hortênsia verde, orquídea phala pink, callas vinho, folhagem de fita de noiva e 3 latinhas com bolachas Dona do Doce e pode ser comprado por R$ 820 na internet. 

Além das flores, Neymar enviou cartões que diziam: "Para a mamãe mais linda desse mundo! Beijos, Neymar; "Você carrega aí dentro todo nosso amor, todo nosso futuro". Em suas redes sociais, Bruna Biancardi publicou uma foto e escreveu: "Papai de longe se fez presente" e “Teve café da manhã também. Obrigada, lindo”.

Mais notícias do Futebol Brasileiro: 

No Corinthians, Fagner tem Amarok de 400 mil, mas não chega perto do Audi que tem Cássio

No Palmeiras, Roger Guedes tinha carrão de luxo, mas nem compara com agora, no Corinthians

Neymar segue se recuperando de lesão no tornozelo direito e o seu futuro está indefinido. De acordo com a imprensa da França, o PSG pretende negociar o brasileiro na próxima janela de transferências e cogita até mesmo um empréstimo. Por outro lado, Neymar também não faz questão de permanecer no clube após ter a sua casa cercada por torcedores. 

A ESPN publicou que a Premier League é um possível destino de Neymar e segundo o jornal inglês ‘The Sun’, o Manchester United é um dos interessados no brasileiro. Entretanto a contratação do brasileiro depende da compra do United por Jassim Bin Hamad Al Thani, bilionária que faz parte da família real do Catar.

Bilionário melhorou a proposta pelo Manchester United

Nesta quarta-feira, a imprensa inglesa publicou que o bilionário Jassim Bin Hamad Al Thani, está próximo de acertar a compra do Manchester United por cerca de 5,7 bilhões de euros (R$ 30,5 bilhões).


Mais notícias