Qatar 2022

É chocante, o maior jornal da Espanha joga tudo no ventilador sobre Vini JR

Por Jorge Dias

É chocante, o maior jornal da Espanha joga tudo no ventilador sobre Vini JR

Os ataques racistas contra Vinícius Júnior são manchete na Espanha

Síguenos enSíguenos en Google News

Os ataques racistas que Vinícius Júnior sofreu no último fim de semana, em partida contra o Valencia seguem sendo manchete nos principais jornais da Espanha. Nesta quarta-feira, o ‘Diário Marca’ publicou um texto sobre o tema com o seguinte título: “As 48 horas que mudaram o futebol espanhol”. 

"Um antes e um depois na LaLiga e no nosso país, onde nunca tinham atuado duramente contra ataques desta natureza. Até que o jogador brasileiro (Vini), farto de suportar tratamento "desumano", disse basta. A Espanha estava em destaque em todo o mundo, e todas as instituições pediam para acabar com a impunidade. A nível desportivo e social, as mudanças começaram na segunda-feira. Decisões que, esperamos, mudarão o futebol espanhol para sempre", escreveu o Marca, destacando a imporância história do acontecido para o futebol espanhol e o país como um todo.

Mais notícias do Futebol Brasileiro: 

Já estavam de olho nele antes, gigantes querem Guilherme Biro após brilhar no Mundial

O único carro luxuoso de Kaká que nos fez até mesmo esquecer da coleção de luxo de Neymar

Os protestos contra os ataques racistas na La Liga ganharam o mundo, e personalidades de fora do futebol se manisfestaram pedindo providências. Volker Turk, comissário das Organização das Nações Unidas (ONU), pediu que os eventos esportivos criassem estratégias para evitar o racismo, “Os insultos contra Vinícius Júnior mostram a influência do racismo no desporto. Peço aos organizadores de eventos que usem estratégias para o evitar e erradicar”, disse.

Presidente da La Liga pediu desculpas a Vinícius Júnior 

Em entrevista ao ge, Javier Tebas, presidente da La Liga, pediu desculpas a Vinícius Júnior e admitiu o racismo na competição. “Se houve esse inconveniente, se ele também não o interpretou bem, mal, tenho que pedir desculpas, não tenho nenhum problema… Há insultos racistas determinados a insultar Vinicius? Sem dúvida”, disse. 


Mais notícias