Copas Internacionais > Libertadores 2021

Deyverson não liga para torcida e revela quem o fez ser importante no Palmeiras

Autor do gol do título, Deyverson revelou quem é o grande responsável por sua volta por cima no Palmeiras

Deyverson chorou ao marcar o gol do título do Palmeiras
Deyverson chorou ao marcar o gol do título do Palmeiras

Após o erro de Andreas Pereira, a bola se ofereceu para Deyverson que foi parar nas redes do Flamengo e às lágrimas por relembrar todos os momentos de altos e baixos vividos no Palmeiras

Assim que fez o gol que colocou o Palmeiras em vantagem no placar e, logo depois, deu o título da Libertadores ao Verdão, Deyverson praticamente se desfez em lágrimas dado o tamanho do momento vivido pelo palmeirense em Montevidéu. Como disse na entrevista ao Fox Sports, ele sabe que passou por situações de altos e baixos no clube e que nunca deixou de trabalhar, mas sabe que existe um nome fundamental para esse momento vivido no Palestra: Abel Ferreira.

Foto: ANDRES CUENCA OLAONDO/Reuters - Abel Ferreira e Deyverson foram os heróis do Palmeiras no título de Montevidéu

Durante a entrevista coletiva, o jogador que vive uma relação de amor e ódio com a torcida, revelou toda a gratidão que tem pelo técnico e afirmou que sempre irá falar do treinador, dada a importância que ele tem na sua trajetória no Palmeiras.

Acho que vou ficar falando do Abel até morrer. Colocou o peito por mim, acreditou em mim. Quando me trouxe de volta, muita gente não acreditou. Falaram ‘o Deyverson de novo, esse aí vai te dar problema, te trazer dor de cabeça’. Estou te trazendo aqui porque o grupo te abraçou. Você é um menino de grupo, profissional, brincalhão. Fiquei muito feliz de ouvir”, revelou o camisa 9, que continuou.

Foto: Getty Images - Jogador marcou o gol do título após ter saído do banco

Gratidão infinita a Abel

É uma gratidão eterna que tenho por ele, ele sabe disso, Por me trazer de volta ao clube que amo, ao clube que sou grato. Só ele sabe o que eu passei, tive altos e baixos. Continuei trabalhando, porque ele tira um e coloca o outro, não convoca um e chama o outro. É para o bem de toda equipe”, exaltou Deyverson.

Desde julho de 2017 no Palmeiras, Deyverson tem 135 partidas com o clube, com 29 gols marcados e dez assistências e diversas polêmicas que fez o jogador ter uma relação mais conflituosa pelo clube, enquanto Abel Ferreira tem 105 jogos pelo Verdão, sendo 94 na área técnica (já que volta e meia é suspenso), com 55 vitórias, 23 empates e 27 derrotas.

Foto: Cesar Greco/Palmeiras - Deyverson deve sua volta ao Palmeiras a Abel Ferreira, segundo ele próprio

Wesley Alencar

Jornalista desde 2017, formado pela Universidade São Judas Tadeu, e atuante como redator desde 2015. Passagens pelas rádios Max FM Cotia e Meteleco.net, além de outros portais de esportes e entretenimento. Cubro as principais informações de Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Corinthians.+ info

Notícias relacionadas

Mais notícias

Mais notícias