Copas

Paixão de torcedor do Boca Juniors que inspira a final e deixa o mundo emocionado

Por Romario Paz

Paixão de torcedor do Boca Juniors que inspira a final e deixa o mundo emocionado

100 mil torcedores argentinos voaram para o Rio de Janeiro em uma das maiores ‘invasões’ do futebol

Síguenos enSíguenos en Google News

A final da Copa Libertadores está movimentando a América do Sul em uma das maiores finais da competição de todos os tempos. Para o Fluminense, vale entrar na história das equipes campeãs da Libertadores ao conquistar a sua ‘Glória Eterna’ pela primeira vez na história, enquanto o Boca Juniors busca sua sétima conquista na Copa.

Segundo o consulado argentino no Rio de Janeiro, cerca de 100 mil torcedores do país se deslocaram até o Rio  para acompanhar o Boca Juniors na final da Libertadores, muito deles sem ingresso. Apesar da mobilização incrível dos tricolores, sucessivos episódios de brigas generalizadas entre argentinos e brasileiros ascenderam o alerta da polícia do Rio.

Vendi meu playstation para vir aqui. Vendemos a moto do meu pai e meu playstation para vir. E não temos ingresso. Mas olhe para isso, isso é Boca, maluco. Dá-lhe Boca" disse um pequeno torcedor, do Boca Juniors ao canal de televisão Tyc Sports ao lado de seu pai, em meio a uma multidão de torcedores do Boca que se aglomeram na praia de Copacabana.

 

Segundo o jornal ‘Extra’, do Rio de Janeiro, ao menos 30 mil torcedores do Boca Juniors conseguiram comprar algum ingresso para apoiar a equipe argentina na final da Libertadores, neste sábado, no Maracanã. A decisão poderá dar ao Boca o sétimo título da competição, igualando o mesmo número do Independiente, também da Argentina, além de quebrar a hegemonia brasileira na Libertadores

Mobilização maior que me 2014

Segundo a própria imprensa argentina, são esperados cerca de 150 mil argentinos no RIo de Janeiro para a decisão da Libertadores. Isso representaria uma mobilização maior que os dos argentinos que migraram para o Brasil durante a Copa do Mundo de 2014, quando a Argentina foi vice-campeã para a Alemanha, na final do Maracanã.

Tópicos


Mais notícias