Copas

O agradecimento do Independiente-ARG ao Fluminense pós-título da Libertadores 2023

Por Jorge Dias

O agradecimento do Independiente-ARG ao Fluminense pós-título da Libertadores 2023

O Fluminense conquistou o título inédito da Libertadores e o Independiente da Argentina resolveu fazer um agradecimento ao clube brasileiro

Síguenos enSíguenos en Google News

Boca Juniors e Fluminense se enfrentaram na decisão da Copa Libertadores da América e o clube brasileiro levou a melhor, conquistando seu primeiro título e impedindo o sétimo troféu dos xeneizes. Houve algum debate no Brasil sobre torcedores de outros times estarem torcendo para os argentinos, enquanto no país vizinho a rivalidade de clubes permanece muito viva, com os principais do Boca Juniors torcendo contra e se manifestando após a derrota.

No Brasil, muitas pessoas que torcem para outras equipes declararam torcida para o Fluminense, porém os rivais estaduais se mantiveram firmes secando o tricolor, a verdade é que os secadores queimaram e o Fluminense conquistou o troféu. O primeiro título de Libertadores da equipe carioca também acaba com algumas brincadeiras dos rivais que sempre utilizavam o fato dos tricolores não terem troféus internacionais de relevância.

A partida foi muito equilibrada, terminando apenas na prorrogação com o placar de 2 x 1 a favor dos brasileiros, os gols do jogo foram marcados por Germán Cano para o Fluminense e Advíncula para o Boca Juniors no tempo normal e na prorrogação John Kennedy fez o gol do título, após a profecia de Fernando Diniz. Ao chamar o atacante para entrar na partida, o treinador brasileiro, avisou ao atletas que ele entraria e faria o gol do título tricolor e foi o que aconteceu.

Independiente faz agradecimento ao Fluminense

O time argentino do Independiente entrou em campo pela Copa da Liga Argentina, contra o Atletico Tucuman e no anúncio da escalação da equipe colocou o meio-campo Mancuello fazendo o “L” que Germán Cano faz para comemorar, em clara alusão ao título do Fluminense. As curiosidades são que o Mancuello teve passagem justamente pelo Flamengo, rival do campeão da Libertadores e o treinador do Independiente, que vem fazendo bom trabalho é ninguém mais, ninguém menos que Carlos Tévez, ídolo do Boca Juniors.

O Independiente comemorou o título do Fluminense e agradeceu ao clube brasileiro pelo fato de continuar sendo a única equipe com sete títulos de Libertadores, o que poderia ter mudado em caso de conquista do Boca Juniors, que continua com seis troféus. O Rei de Copas sob o comando de Carlos Tévez vem muito bem na Copa da Liga Argentina e busca voltar a jogar a maior competição de clubes da América do Sul. Veja a postagem com a escalação do time argentino e Mancuello fazendo o “L”:

Tópicos


Mais notícias